Desenvolvimento de Software: conheça todos os profissionais do projeto

Há algum tempo, o desenvolvimento de aplicativos está em alta. As possibilidades nesta área aumentam constantemente e as listas das tendências mais recentes estão sempre sendo publicadas. Nesse caso, as empresas de desenvolvimento de software oferecem muitas oportunidades para diversos profissionais.

O principal requisito dessas organizações conhecidas como fábrica de app, é uma força de trabalho qualificada. Sem uma equipe dedicada e preparada, é impossível não só desenvolver um software, mas também atualizá-lo, pois é importante que atendam a certas necessidades do mercado.

A estrutura de uma empresa de desenvolvimento de apps não precisa ser particularmente especial. O mais importante é ter um pacote de Internet rápido e um computador de alta qualidade bem configurado e saber como criar um aplicativo.

Gerente de projeto

Tudo para quem quer ser programador no exterior| Remessa Online

O gerente de projeto é responsável pelo desenvolvimento do software para garantir que a meta seja alcançada dentro do prazo determinado.

Os profissionais devem entender o produto, conversar com os clientes para definir prazos e metas, conversar com a equipe para propor metas e definir claramente as metas, prever adversidades para agir com antecedência, etc.

As chances de sucesso em uma equipe com programadores juniores são reais, da mesma forma que profissionais experientes podem encontrar problemas devido às habilidades de um gerente de projeto. Portanto, é fundamental que ele entenda o que está fazendo, tenha uma boa comunicação e entenda a produtividade da equipe.

Desta forma, o gestor não promete ao cliente além do que pode ser cumprido, e sabe o momento certo para rejeitar a oferta. Para seguir essa carreira, uma opção é se formar com especialização em gestão de tecnologia da informação.

Arquiteto de sistemas

Como é o mercado da arquitetura de software? Salário, empresas e mais!

Uma das principais funções de um arquiteto de sistema é projetar como criar uma interface de software. Os profissionais são responsáveis ​​pela parte de estrutura do conteúdo, que visa promover a acessibilidade e usabilidade do usuário e garantir uma melhor experiência.

O campo de texto deve ter um botão “Salvar” ou esse processo deve ser executado automaticamente? Onde esse botão deve estar localizado na tela?

É necessário um ícone para esta ação? Essas são algumas das questões que os arquitetos de sistema devem estudar. Levando em conta as necessidades do projeto, o profissional deve desenhar o chamado wireframe, que podemos comparar com a planta da casa.

O wireframe é criado da maneira mais fácil sem cor. Dessa forma, a função se tornará o foco do trabalho.

Existem algumas ferramentas que permitem aos arquitetos criar wireframes interativos. Isso significa que você pode clicar em um botão que nos direciona para outra tela.

Portanto, temos algo muito semelhante a um protótipo, o que nos permite mostrar à equipe de desenvolvimento de aplicativo e aos clientes como o sistema deve funcionar e demonstrar.

Designer

Blog Impacta – Dicas e Notícias sobre Carreira

O designer que trabalha no desenvolvimento de sistemas atua jundo ao arquiteto de sistemas. Ele recebe o wireframe e é o responsável por definir como os constituintes da interface serão.

Em geral, é esse profissional que define a tipografia, a paleta de cores a ser usada, os ícones, os espaçamentos etc. Caso a equipe tenha pessoas de marketing, o designer também pode ajudar no desenvolvimento do layout do site para a publicidade e componentes para serem divulgados nas redes sociais.

Desenvolvedores front-end

Front-end: a origem e o futuro da área | Geek Blog |

Os desenvolvedores de front-end estão no front-end da interface que interage diretamente com os clientes.

  • Portanto, é importante que o profissional considere também a experiência do usuário (UX).
  • Quanto às linguagens que os desenvolvedores front-end devem dominar, são elas: HTML (linguagem de marcação);
  • JavaScript (linguagem de programação / script);
  • CSS (linguagem de estilo).
  • Existem alguns profissionais que se especializam em fornecer frameworks e bibliotecas para diferenciação de mercado.

Nos últimos anos, este campo também recebeu a introdução de outras linguagens e pseudo-linguagem, que podem ser aplicadas de acordo com as necessidades das empresas de desenvolvimento de software.

Os desenvolvedores front-end costumam usar as partes mais artísticas e criativas do aplicativo. Aqueles que possuem mais recursos de back-end, e mesmo aqueles que trabalham como front-ends, tendem a ter mais conhecimento sobre programação e suas variantes.

Para quem está iniciando a carreira, o ideal é focar no idioma mais utilizado, pois o aprendizado será mais completo. Esta ação também facilita a entrada no mercado de trabalho, uma vez que essas línguas proporcionam melhores oportunidades de emprego.

Para ter um conhecimento de back-end mais completo, é importante dominar o campo de banco de dados. Normalmente, a base é selecionada com base nas ferramentas mais disponíveis no idioma que será usado no sistema.

Uma empresa de desenvolvimento de software que quer se destacar no mercado e apresentar algum diferencial deve desenvolver programas que possam facilitar a vida dos clientes e gerar valor a partir de suas necessidades muito específicas.

De modo geral, os desenvolvedores de back-end são responsáveis ​​por fazer cumprir as regras de negócios. Tome como exemplo os aplicativos Web.

Essa profissão não atua na parte de visualização do sistema, ou seja, está por trás do aplicativo. Quando se trata de desenvolvimento web back-end, encontraremos várias linguagens, como C #, Java, Python, Ruby, PHP, etc. Todos têm vantagens e desvantagens no processo criativo e no mercado de trabalho.

Algumas linguagens de programação são mais populares e poucos profissionais no mercado cooperam com elas. Portanto, há uma grande demanda por eles. Outros são mais tradicionais e fazem parte de um mercado sólido, com diversos materiais didáticos à sua escolha.

Desenvolva seu software com a Codificar

Antes de começar a pensar em como criar um aplicativo, é importante saber tudo o que você precisa para iniciar no mercado de aplicativos.

Codificar é uma empresa que está no mercado de desenvolvimento há mais de 12 anos. Com expertise no desenvolvimento de aplicativos, possui em seu portfólio mais de 10 plataformas white label.

Entre em contato com a nossa equipe pelo formulário abaixo, com certeza teremos algo especial para o seu projeto!