Como criar um aplicativo de entrega e atender as demandas do mercado

O mercado dos aplicativos que entregam tudo é recente, e está em seu auge. No Brasil, temos 2 principais concorrente: o Glovo e o Rappi. Esses aplicativos, que tem atuação principal nas capitais do país, são grandes exemplos de sucesso.
Um aplicativo que entrega tudo é apenas uma plataforma de delivery.

O que o difere das outras opções é a abertura para outros mercados. Antes, o maior exemplo de delivery era o iFood, que trabalha exclusivamente com a entrega de alimentos.

Os aplicativos que entregam tudo, porém, realmente entregam de tudo – desde que seja fisicamente possível.
Sendo assim, um aplicativo que entrega tudo não se limita a trabalhar apenas com restaurantes.

Através dessas plataformas, é possível pedir itens de supermercados, farmácias, petshop, e até solicitar que os entregadores saquem dinheiro. Tudo é feito dentro de uma plataforma completa, que promete facilidade e efetividade nas solicitações.
Esses aplicativos precisam de grande promoção e de bons parceiros, já que dependem diretamente das solicitações feitas, e, além de clientes, precisam de profissionais e estabelecimentos parceiros.

Neste artigo vamos falar mais sobre o funcionamento de um aplicativo que entrega tudo.

Como fazer um aplicativo de entregas

A criação de um aplicativo é uma tarefa que começa antes mesmo da contratação de uma equipe de desenvolvimento. Para garantir que sua plataforma será bem sucedida, você deve estar atento em todas as etapas deste processo e trabalhar com as melhores práticas.

Antes de começar a desenvolver qualquer tipo de aplicativo, você deve entender o que realmente quer. Este é o primeiro passo para qualquer tipo de projeto. No caso de um aplicativo que entrega tudo, você precisa de uma plataforma completa, que permita que seus usuários possam realizar as principais solicitações.

Portanto, você precisa de um software que seja capaz de processar essas informações. Algumas das principais ferramentas necessárias em um aplicativo como este são:

  • Procura de motoboys
  • Geolocalização
  • Estimativa de preço
  • Sistema de avaliação
  • Histórico de solicitações

Você já entende sua ideia, organizou todo o seu projeto e sabe todas as etapas a serem seguidas. Chegou a hora de desenvolver seu software. Com o apoio de uma equipe de sua escolha, ou um parceiro de desenvolvimento, você irá transformar sua ideia em realidade.

Contratar uma empresa que tenha o software já pronto

Embora extremamente interessante e vantajoso, desenvolver um aplicativo do zero exige muito conhecimento técnico e ter uma equipe de programadores envolvidos no projeto é essencial. Entretanto, contratar funcionários exclusivamente para essa função pode custar caro devido ao número de pessoas envolvidas no desenvolvimento de aplicativo.

Utilizar aplicativos white label é uma forma muito mais prática e econômica de inserção no mercado de tecnologia. Isso acontece porque como a base do aplicativo está praticamente pronta, você não irá precisar pagar por horas e horas de trabalho para uma equipe inteira de profissionais desenvolverem o projeto do zero. A consequência disso é um investimento muito menor e resultados satisfatórios que irão suprimir as necessidades demandadas.

O processo de desenvolvimento de um novo aplicativo pode demorar até 1 ano. Além do alto custo, isso implica uma grande espera para a entrega do produto. Ao adquirir uma plataforma white label, a entrega é muito mais rápida e assim não é preciso aguardar um ano inteiro para ser lançada.

Outra facilidade em optar por esse tipo de aplicativo é que para isso não é necessário que você seja um especialista no assunto para desfrutar dos benefícios.

Isso favorece para que você consiga cuidar de outras questões da empresa enquanto uma equipe especializada cuida do aplicativo.

Custo da criação de um aplicativo que entrega tudo

O custo de criação de um aplicativo depende de vários fatores e, para aprender mais sobre isso, você precisa entender como o aplicativo é gerado. Embora a tecnologia e o software usados ​​sejam diferentes daqueles usados ​​no site, o aplicativo também requer conhecimento de programação e design de código avançado.

Designer

O design do software é a primeira impressão do usuário sobre a aplicação, portanto, contar com profissionais da área é fundamental para o sucesso do projeto. Os designers precisam criar uma interface simples, mas além de oferecer praticidade e rapidez de uso, também pode se destacar entre as diversas aplicações da loja virtual. Por esse motivo, é importante realizar muitas pesquisas sobre os padrões de design de dispositivos móveis.

Gestor de projetos

Como a produção de software envolve várias tarefas, é importante que os profissionais gerenciem todas essas tarefas para garantir a qualidade do processo de desenvolvimento do projeto ao criar aplicativos.

Desenvolvedor

É relativamente difícil encontrar bons desenvolvedores de software para aplicativos móveis. Com isso, é necessário verificar que os salários desses profissionais aumentaram, sendo difícil mantê-los na mesma empresa após um determinado período de tempo.

É possível fazer um aplicativo sozinho?

É possível. Mas inviável. Levaria anos para ter um conhecimento de programação o suficiente para realizar todas as tarefas da criação de um aplicativo.

As linguagens utilizadas para produzir aplicativos nativos de Android e iOS, Java e Objective-C respectivamente, são duas das mais difíceis de se aprender.

Por isso, é muito melhor para o seu negócio contar com uma equipe de designers, desenvolvedores, analistas de sistemas para que seja possível sair do papel no menor tempo possível.

Montar uma equipe interna com trabalho em tempo integral requer muito tempo e investimento. Os custos de contratação costumam atingir números chocantes, basta considerar os impostos, benefícios, espaço para escritório, equipamentos e os custos de longo prazo dos funcionários em período integral, para perceber isso.

Como funciona um aplicativo que entrega tudo

O sistema de aplicativo que entrega tudo aplicativos precisam de uma plataforma completa para que possam funcionar de forma completa.

Por permitirem muitos tipos de solicitação, é imprescindível pensar em todas as pessoas envolvidas em seu sucesso.

Um aplicativo que entrega tudo entende a solicitação do cliente, envia para os estabelecimentos e, em seguida, designa um entregador.

Vamos falar detalhadamente das 4 partes principais envolvidas no funcionamento de um aplicativo que entrega tudo:

O administrador

O administrador do aplicativo é o investidor que deseja desenvolver sua marca. Neste tipo de plataforma, ele possui um papel ainda mais detalhado e importante.

Como um aplicativo que entrega tudo envolve várias partes para seu funcionamento, é preciso cuidar de todas elas da melhor forma. O administrador do aplicativo precisa organizar sua equipe para o lançamento do aplicativo, e para conseguir uma área de atuação interessante.

Isso significa a criação de parcerias, o recrutamento de profissionais e os esforços de marketing.
Só é possível conseguir bons resultados com uma boa visão de mercado. Afinal, no momento do lançamento, é necessário ter estabelecimentos preparados para as solicitações, entregadores treinados, e usuários cientes.

Não esqueça que a administração de um negócio como esse pode ser responsável pelo seu sucesso, ou pelo seu fracasso. Portanto, se você deseja criar um aplicativo que entrega tudo, deve reunir uma equipe de profissionais preparados, e com bom entendimento do mercado.

Os estabelecimentos

Sem os estabelecimentos, esse mercado não existe. Como principais fornecedores dos produtos, os estabelecimentos encontra em um aplicativo que entrega tudo é possibilidade de realizar entregas sem a necessidade de um entregador fixo. Isso diminui seus custos e expande sua atuação, já que novos clientes podem encontrar seus produtos dentro da plataforma.

Esses estabelecimentos devem firmar parceria com o aplicativo, sendo capazes de controlar o preço e outras especificações, como valor mínimo de solicitação ou raio de atendimento. Sua parceria com o aplicativo que entrega tudo também envolve outras coisas, como as taxas cobradas sobre o serviço.

É importante que os estabelecimentos estejam satisfeitos com os termos do acordo, já que, como já dissemos, são os principais fornecedores.

Afinal, de que adianta um aplicativo que entrega tudo, mas não tem estabelecimentos suficientes para realizar as solicitações? Invista nessas parcerias. Quanto maior a variedade de estabelecimentos e mercados envolvidos, maior a chance de conseguir sucesso com seu aplicativo.

Os profissionais/entregadores

Os profissionais envolvidos nas tarefas de seu aplicativo que entrega tudo também tem um papel extremamente importante. Eles são os responsáveis por recolher os produtos dos estabelecimentos, e entregar para os clientes. Sendo assim, como fazem a parte mais importante, devem ser bem tratados e receber de forma justa pelo trabalho oferecido.

Os grande players do mercado, como o Rappi e o Glovo, permitem que as entregas sejam feitas por carros, bicicletas e motos. Afinal, existem entregas de vários portes, e o sistema se encarrega de apontar o melhor entregador para cada uma das solicitações.

As entregas são acompanhadas pela tecnologia de geolocalização, que permite que o usuário acompanhe o entregador em tempo real. Assim existe mais segurança para todas as partes envolvidas.

Os usuários

Os usuários são aqueles que fazem seu negócio girar. Como principais clientes, são eles que geram as solicitações, e são grandes medidores de sucesso. Portanto, é preciso oferecer boas condições de compras, grande variedade e, principalmente, boas soluções.
É fundamental que seu cliente consiga fazer o máximo de suas solicitações através do aplicativo. Afinal, como um aplicativo que entrega tudo, é necessário realmente oferecer de tudo. Quanto maior a variedade oferecida, mais solicitações serão feitas através da sua plataforma.
Não se esqueça que o mundo dos aplicativos busca oferecer praticidade e eficácia. Portanto, um aplicativo que entrega tudo deve estar preparado para atender as solicitações dos usuários da forma mais simples. É isso que eles estão buscando, e vão ficar felizes se encontrarem em seu aplicativo.

O que é um aplicativo de entregas

A entrega de produtos sob demanda não é um fenômeno novo. Com o advento dos smartphones, tecnologia de ponta, fácil acesso à internet de alta velocidade e entrega de alimentos sob demanda por meio de aplicativos revolucionaram a indústria de entrega de alimentos.

Os aplicativos de entrega facilitam muito a vida das pessoas. E por isso, muitos empresários e investidores decidem investir no mercado de aplicativos de entregas.

Você precisa entregar ou receber itens, mas não tem tempo para andar por aí? Os modelos de aplicativo de entregas podem ajudar nessa tarefa porque podem transferir itens de vários tamanhos, como remédios, roupas, documentos, alimentos, etc.

Qual a diferença entre um aplicativo full service e um aplicativo de logística

Os aplicativos full service fazem a captação do pedido e a entrega. Isso permite aos lojistas maior tranquilidade, pois precisam se preocupar apenas em produzir e organizar os produtos para a entrega.

Um aplicativo de logística exclui todas as outras preocupações de vendas, pagamentos e seu foco é exclusivamente a entrega do produto.

Qual modelo escolher?

Nesse momento cada empresário deve analisar a sua região. Você precisa analisar qual modelo tem mais concorrência ou maior necessidade de mercado de entregas.

Em várias cidades do país, já existem diversos marketplaces disponíveis, e a maior necessidade do comércio é justamente a entrega dos produtos.

Outros, necessitam mais dos modelos full service, onde existem poucos comércios e há a carência de venda de produtos facilitados, como um aplicativo. E, obviamente, quando não existem vendas, também carece o mercado de entregas.

Em resumo, deve-se analisar a região, mas as duas opções são rentáveis para qualquer caso.

Platataforma de Marketplace + App de entregas da Codificar

Se você deseja criar um aplicativo que entrega tudo, podemos te ajudar. A Codificar trabalha com a criação de plataformas white-label perfeitas para o mercado atual. E com essas soluções, você pode criar o seu aplicativo que entrega tudo gastando bem menos e com um prazo muito menor.

O Aplicativo de Marketplace possui todas as ferramentas necessárias para o mercado de entregas. Baseado no modelo iFood, ele pode ser personalizado para todas as necessidades de mercado, trazendo grande benefícios.

Se trata de uma solução Plataforma White Label onde você irá investir 10x menos do que um desenvolvimento próprio da sua plataforma. Aqui você economiza tempo e dinheiro.

Bônus: Como criar um aplicativo estilo o IFOOD

A criação de aplicativos tipo ifood se tornou mais fácil com as plataformas white-label. Esses softwares são plataformas prontas para utilização, que permitem que as empresas personalizem os aplicativos e possam inseri-los no mercado de forma mais rápida e prática.

Por serem feitas por profissionais, elas já possuem todas as principais ferramentas, e permitem que adicione outras.

Por fim, isso torna essas plataformas as ferramentas perfeitas para a inserção no mercado competitivo atual. Afinal, criar um Markeplace é certeza de ótimo investimento no setor da tecnologia e com alta demanda.

E-book: Como ganhar dinheiro com aplicativos

Aprenda Como Ganhar Dinheiro com Aplicativos e crie uma empresa lucrativa em 90 dias.

Faça do celular um canal lucrativo para a sua empresa. Aplicativos são o negócio mais certo a se investir hoje, na era da internet.

No nosso Manual, você vai aprender o passo a passo de
  • Como criar um negócio lucrativo e com baixo investimento
  • Como acontece a monetização direta com anúncios e as vantagens de um aplicativo do gênero
  • Quanto valem as maiores empresas de app e tecnologia
  • Quanto custa um aplicativo
  • Cases do mercado nacional

Conheça mais do Marketplace de Delivery da Codificar, e entre em contato através do formulário abaixo:

]]>

Leave a comment